“Espíritos de Gelo”, Raphael Draccon

capa

DRACCON, Raphael – Espíritos de Gelo, [Lisboa], Saída de Emergência, 2011

Sinopse: Se você não se lembrara do que aconteceu nas últimas horas, nós faremos com que sofra ainda mais, como se estivesse em um dos nove círculos do inferno…

Foi o que eles disseram antes do terceiro electrochoque.

Essa nem foi uma das piores partes.

Opinião: Um balde de água fria acorda o protagonista e desperta o leitor para o início da narrativa. Numa escrita irónica, divertida, inusual e algo dramática, são abordados e intercalados vários mitos urbanos que com certeza a maioria já ouviu falar: o roubo de órgãos, seitas secretas geridas por poderosos e endinheirados, interrogatórios cujo respeito pela dignidade humana não é mais do que uma sombra de anedota… O objectivo é que o protagonista recupere a memória dos eventos que o conduziram ao seu estado actual, e é nessa viagem de falhas, paragens e, simultaneamente, bem conduzida que o leitor fica igualmente a conhecer a mesma, chegando-se, finalmente, a um término que, pelo menos da minha parte, surpreendeu.

As personagens são carismáticas, tanto as que apenas aparecem pela boca do narrador, como aquelas que já vemos a interagir com o mesmo, por vezes pouco falando, necessitando apenas do aspecto peculiar para se fazerem sobressair. A ideia, ainda que não particularmente original, foi levada a cabo de um modo que me agradou bastante. Pessoalmente considerei a estrutura do texto um dos pontos mais favoráveis.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s